Ordo Fratrum Minorum Capuccinorum PT

Log in
updated 9:17 AM UTC, Jun 12, 2024

Da Santa Casa, uma esperança para quem não tem casa

Como todos os anos, em 10 de dezembro, grande festa no Santuário de Loreto. Seguindo uma antiga tradição, tal data remete ao “ao voo angélico” que transportou a casa de Maria. Uma história feita de lenda e tradição, de fé e devoção, que tornaram o Santuário Mariano de Loreto um dos lugares mais amados e visitados pelos cristãos, e não só. A nossa fraternidade capuchinha, que, desde 2015 depende diretamente do Ministro Geral dos Capuchinhos, também este ano quis dar a generosa contribuição para a realização da festa. As celebrações litúrgicas quiseram exprimir a proximidade e a solidariedade para com as pessoas atingidas pelo terremoto de 24 de agosto, muitas das quais perderam suas casas. Duzentas delas ainda estão hospedadas nos edifícios da Delegação Pontifícia, e a elas dirigiu-se o pensamento do Cardeal Secretário de Estado Pietro Parolin, que, com 14 bispos, concelebrou a Eucaristia da noite de 9 de dezembro, seguida da procissão com a imagem original da Virgem Lauretana. À celebração, também participaram 50 prefeitos de vilarejos e cidades vítimas do terremoto. No dia seguinte, Dom Giovanni Tonucci, Arcebispo de Loreto, presidiu a Eucaristia, animada pelos cadetes da Aeronáutica Militar Italiana, da qual a Virgem de Loreto é Padroeira.

Última modificação em Quarta, 08 Fevereiro 2017 11:19